sábado, 24 de outubro de 2009

Jackie Chan: O Jovem mestre do Kung Fu

The Young Master (1980) é um dos filmes que marcaram a minha infância/pré-adolescência. Reprisado à exaustão no "Cinema em Casa" do SBT, sempre que passava eu assistia.

scans de Mister Slimm
 
Este também é um clássico importante, pois é o primeiro filme de Jackie Chan na Golden Harvest e o último no estilo que o consagrou no final da década de 70. Chan fecha a sua carreira Old School Kung Fu com chave de ouro em The Young Master, injetando neste trabalho todos os elementos presentes nos filmes tradicionais, que já entravam em grande decadência nos anos 1980.

O humor nonsense e as cenas de luta que correspondem por digamos... 75% do longa me divertiram como nos velhos tempos. A única coisa que me chateou foi a péssima qualidade da imagem, bem que me deu vontade de comprar o DVD original, mas... aqui no Brasil, os originais costumam ser mais piratas ainda, sem querer jogar indiretas para a VTO Continental.

Feng Tien como o grande mestre e seus alunos numa tradicional escola de kung fu (à esquerda) e Yuen Biao, o rival folgado e "bom de banco" (direita)

 
A luta final pode ser boa, mas é o coreano Ing-Sik Whang que protagoniza o melhor momento de porrada do longa, nesta sequência curtíssima, mas que vale a pena rever. Ing Sik Whang é um daqueles vilões quase invencíveis que sempre detém uma técnica igualmente quase imbatível. Seus chutes e voadoras são surpreendentes.



O longo vestido chinês pode ser uma arma, pelo menos nos filmes de Kung Fu. À esquerda, Jackie Chan, enfrenta a perigosa Lily Li e usa a mesma técnica para enfrentar os ladrões de banco (à direita).
O momento decisivo: uma extensa luta entre Chan e Whang

PS: Falhei ao dizer que esse é o último filme tradicional de Jackie Chan. Na realidade foi "Dragon Lord" de 1982. Ele voltaria com Drunken Master 2 em 1994, mas não considero este último do estilo "velha escola".